Translate

quarta-feira, 1 de maio de 2013

Dada a largada...


Oie! 


À pedidos, resolvi criar um blog para dar dicas de moda, beleza, viagens, cultura, fitness, enfim, tudo sobre o universo feminino. E, óbvio, além de tudo isso, ficar mais próximas de vocês!

Neste primeiro post, resolvi contar um pouco da minha história... Sou Natalense, carioca de criação e paulistana de coração! Nasci em Natal/RN, exatamente, a cidade que está em destaque na novela das 18h da Rede Globo, Flor do Caribe. Minha família materna é do Rio de Janeiro e, por isso, fui criada pelos meus avós na Cidade Maravilhosa. Sampa, a Terra da Garoa ou Selva de Pedras, como costumo dizer, me encantou pela diversidade cultural e foi lá que conquistei muita coisa importante em minha vida. Tenho 30 anos, sou jornalista COM DIPLOMA e empresária nas áreas da Comunicação e do Fitness.

Sempre fui vaidosa, apaixonada por qualidade de vida, saúde, tendências e tudo que nos diz respeito! Com um biotipo típico da mulher brasileira, nunca fui magricela e no entanto, nunca fui gorda. Com 1,72 de altura, representava o tipo mulherão - pernão, bundão, cinturinha... Engordava uns quilinhos aqui, emagrecia ali, mas sempre estava satisfeita com o meu corpo. Depois que casei, aos 26 anos, eu e o meu esposo viemos morar em Natal, com a mudança, o casamento... Engordei 8kg. Logo em seguida, quebrei o pé direito e no processo de recuperação, só em casa, com o pé para cima, engordei mais 10kg. Sem poder me exercitar, resolvi colocar silicone nos seios (a única coisa que me deixava insatisfeita com o corpitxcho era ser despeitada. Huahua). E, após 1 ano de recuperação do pé, no dia em que fui totalmente liberada para voltar a treinar e me livrar dos 18kg, virei o mesmo pé fazendo aula de ginástica e, novamente, me vi de pézinho pra cima! Resultado: mais 6 meses em tratamento e mais 10kg. No total, foram 28kg! 

Essa experiência gordinha, posso afirmar, foi uma das piores fases da minha vida! Não por ser ponto de referência, como falam nas peças teatrais, tipo: "do lado daquela gordinha ali!"... E também não por ouvir todos dizendo: "Nossa! Ela tem um rosto tão lindo...."... Mas, por todos os prejuízos que acarretaram a minha saúde! A minha vida... Vivia cansada! Não conseguia sentar... Meu joelho esquerdo estava com derrame articular e uma lesão... Uma vertebra da minha coluna estava sendo esmagada... As taxas todas alteradas... Como não podia me exercitar por ordem do ortopedista, resolvi procurar uma nutricionista e fazer uma dieta. Em vão, como estava com resistência a insulina, nada resolvia.

Foi quando conversei com meu ortopedista e ele me disse: "Você precisa emagrecer! E como já tentamos tudo, vou te encaminhar para fazer uma Gastroplastia". Gastroplastia para quem não sabe, é a famosa redução de estômago!

Fiquei paralisada e sem saber o que pensar! Até porque, não era obesa! Mas pelo histórico de sempre ter sido magra, meu corpo não estava aguentando... Criei coragem e procurei um especialista na minha cidade. Após 2 meses de exames e consultas, no dia 17 de dezembro de 2012, fiz a cirurgia!

Hoje, 4 meses e meio após a cirurgia, vejo que fiz a melhor opção. Já emagreci os 28kg que engordei. Com acompanhamento nutricional e psicológico, voltei a ter os hábitos que tinha, minha auto-estima melhorou e com tudo, a vida está leve e mais colorida novamente! 

Neste espaço, poderemos trocar figurinhas e experiências! Fiquem a vontade para perguntar o que quiserem e contem comigo no que for preciso!

Beijo pra quem é de beijo e abraço pra quem é de abraço!

Xerinho da Kê Amorim



4 comentários:

  1. Respostas
    1. Obrigada flor! Depois vou postar o antes e o depois. ;)

      Excluir
  2. Mana lindaa *-*, orgulho de ter vc como irmã ! bjbj

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Amo vc! Espero que as dicas sirvam pra vc! Xero

      Excluir